Vinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo Slider

apav2

cpcj3

logo atpl

cultura
Versão para impressão PDF

Exposições – Sala de Interpretação da Filigrana

A Sala de Interpretação da Filigrana (SIF), integrada no edifício da Casa da Botica, é um recurso patrimonial voltado para a valorização e perpetuação desta forma tão valiosa e peculiar de trabalhar o ouro, como só os artífices da Póvoa de Lanhoso, mais concretamente das freguesias de Travassos e Sobradelo da Goma, o sabem fazer. Esta atividade, marcadamente artesanal que nos engrandece e orgulha, é a identidade de uma comunidade que eleva a arte da filigrana a estandarte povoense.A palavra filigrana deriva do latim filum, fio de metal, e granum, um grão, e consiste no manuseamento de dois finíssimos fios de ouro ou prata, torcidos manualmente entre duas tábuas, convertendo-os numa ténue fita serrilhada. Posteriormente, e com recurso a uma pinça (ou buxela), o ourives vai preenchendo os espaços vazios da armação que, após concluir este processo, é coberta com solda e recorrendo a um maçarico faz a soldadura. Depois de esfriar, a peça é colocada num recipiente com ácido sulfúrico para branquear e, de seguida, mergulhada numa massa salitrosa para dar mais cor ao amarelo do ouro. No final deste processo químico, e com auxílio de uma escova metálica, a peça é polida com o propósito de lhe dar o brilho definitivo.

 DSC 0797 DSC 0795 

Todos estes processos, que exige do ourives um trabalho de grande minúcia e destreza, estão representados num itinerário expositivo que convida o visitante a apreciar os recursos utilizados, desde os grandes instrumentos de preparação do ouro até aos pequenos utensílios, para a conceção das mais belíssimas peças de filigrana que se encontram em exposição.

Este espaço expositivo também está dotado de dois painéis interpretativos, sendo que, um faz referência ao importantíssimo papel desempenhado pela Via Romana XVII, no escoamento do material aurífero entre Bracara Augusta (Braga) e Asturica Augusta (Astorga), e o outro painel apresenta uma abordagem sucinta da evolução histórica do trabalho do ouro, particularmente da filigrana.

A Sala de Interpretação da Filigrana (SIF) não é mais que uma merecida homenagem aos mestres filigraneiros, que representam um dos últimos bastiões nacionais na preservação da técnica da filigrana e fornecem ao país e ao mundo verdadeiras obras de arte.

Morada

Casa da Botica, Largo Barbosa e Castro
4830 – 517 Póvoa de Lanhoso

Horário de Funcionamento
Segunda-feira a Sábado
10h00 às 13h00 e das 14h30 às 18h00

Visitas de grupo por marcação prévia

Contactos
Tel. 253 639 708
E-mail: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar

© 2014 - Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso - Todos os direitos reservados - Política de privacidade
Desenvolvimento a cargo de: Bsolus - Business Solutions, Lda

Vale do Ave

Operação Norte

POS Conhecimento

União Europeia